Copa é demais!! Quem gosta de futebol, sempre se arrepia com qualquer jogo (até com a pataquada que foi Polônia e Japão). Como aqui, nós falamos dos Anti-Heróis, vamos falar dos nossos.
 
Pra marcar essa transição aqui no VISÃO DO GOLEIRO, vamos elencar quem são e pq são os 5 melhores goleiros dessa 1ª fase, levando em consideração as atuações do ponto de vista técnico e pensando em quem pode ser o LUVA DE OURO. Vamos começar pelo número 5:
5) FERNANDO MUSLERA (Uruguai):
Antes que você me xingue… Foi o goleiro que tem o gol limpo até aqui. Ainda que não tenha feito nenhum grande milagre até aqui, mas fez o que se espera de um goleiro: pegou todas as bolas fáceis. Isso significa que fez o simples, não inventou passou incólume pela primeira fase. Se vc acha que regularidade é muito subjetivo para ser critério de avaliação e quer um motivo mais prático, basta reforçar que ele não levou gol na 1ª fase.
 
4) ROBIN OLSEN (Suécia):
O guapo da Suécia vem muito bem no torneio. Apesar do gol defensável sofrido contra a Alemanha, ele segurou na ponta das luvas o ataque volumoso da atual campeã do mundo. Fora isso, tem sido pedra fundamental de uma defesa segura, que pode incomodar muito ainda nessa competição. Como destaque, vejo sua capacidade de intervenção em bolas aéreas cruzadas na área, onde utiliza um estilo de saída semelhante ao alemão, que busca interceptar a bola e executar a queda de pé, evitando pontes para esse tipo de defesa. Isso exige do goleiro uma velocidade de deslocamento e um tempo de leitura de trajetória apuradíssimos.
 
3) KASPER SCHMEICHEL (Dinamarca):
Com o pedigree de melhor do mundo, o filho do 2º melhor goleiro que vi jogar, Peter Schmeichel, Kasper é um guapo com características diferentes de seu pai. Não tem o talento, nem a raiva, nem a força física, mas herdou o espírito de liderança e a velocidade de reação do coroa. Sabendo disso, coordena de forma segura a defesa de seu time, além de usar a sua velocidade de reação para evitar gols debaixo dos paus com eficiência, ainda que com uma técnica questionável e esquisita com quedas que buscam ocupar espaço, diminuindo o ângulo do atacante, mas sem uma lógica de movimento como Neuer utiliza a base do handebol, por exemplo. Kasper literalmente se joga na frente da bola, como der buscando evitar o gol, e isso tem dado certo, quem sou eu pra questionar!!
 
2) GUILLERMO OCHOA (México):
Na minha opinião, o goleiro mais talentoso do mundo. Com uma técnica impecável, aliada a uma apurada velocidade de reação e um senso de colocação excepcional, fazem de Memo Ochoa um monstro! Tenho uma teoria de que ele nunca foi eleito o melhor do mundo porque escolheu times “ruins” para consolidar sua carreira no velho continente. Nessa copa, tem sido o Ochoa de sempre: operando milagres e sendo o que segura as pontas lá atrás pra esse time leve e rápido que assombrou a Alemanha, mas quase entregou a rapadura na última rodada (sem culpa do arquero, diga-se de passagem, que ainda evitou uma catástrofe).
 
1) HUGO LLORIS (França):
O goleiro francês foi impecável nos jogos da primeira fase. Perceba que estou falando de atuações do ponto de vista técnico e a sua precisão em todas as ações me impressionaram. Uma saída em cruzamentos perfeita, quase lá na marca do pênalti. Suas saídas por baixo são certeiras e rápidas, utilizando mais a técnica de “botes” nos pés dos atacantes, mas cobrindo o ângulo. Outro item que me chama atenção são suas reposições. Observe como ele arma contra ataques rápidos com lançamentos com precisão cirúrgica. Mas o que mais me chamou a atenção foi o número de bolas defendidas no primeiro lance. Lloris parece ter uma munheca muito flexível e um tempo de encaixe acima da média. Pra mim, está fazendo uma copa tecnicamente perfeita.
 
LIMBO:
Alguns ficaram num “limbo”. Não foram mal, mas ou estão fora ou ainda não foram testados o suficiente.
 
Alisson, por exemplo, ainda não foi testado o suficiente. Apesar de ter ido muito bem no último jogo, principalmente na interceptação de cruzamentos, característica essa que foi questionada depois do 1º gol sofrido no jogo de estreia, mas que quem o acompanha sabe que faz parte de seu jogo. Mas é fato que a bola ainda “não foi ao gol” do Brasil o suficiente para que ele comprove a condição de melhor goleiro da Europa no 1º semestre.
 
Navas foi bem. Mas sua seleção naufragou, figuraria entre os 5 melhores com certeza, pois tecnicamente foi muito bem. Mas como ficou pelo meio do caminho, não se consolidará como um dos melhores da competição. Seu time o sabotou. Mas o considero o melhor goleiro do mundo em atuação no momento.
 
Halldorson da Islândia, pegou o pênalti do Messi, segurou o ataque da Argentina, mas depois foi minguando. Não foi mal, mas tbm não fez mais nada de bom!
 
O colombiano Ospina, é outro bom goleiro que ainda não apareceu muito, mas nessa fase de mata-mata, é um goleiro que podemos ficar de olho, pois vai apresentar algo!
 
O guapo suíço, Sommer, também foi bem. Mas a impressão que me passa é de que sempre está contando com a sorte, ou com o azar como no pênalti do último jogo, onde a bola bate no travessão, volta na sua cabeça e entra. Ainda não da pra dizer nada.
 
Teve também o Rui Patrício que foi bem, fez 2 grandes defesas nos 2 primeiros jogos. E pode estar entre os destaques de Portugal, caso o CR7 resolva jogar e eles cheguem longe.
 
FREAKSHOW:
Copa sempre traz umas figuras estranhas. O goleiro do Japão, o Kawashima é um desses. Outro dia ele socou uma bola pro meio da área, de forma bisonha, a ponto do gol do Senegal ter sido sem querer, com a bola batendo no pé do atacante. Mas verdade seja dita, fez um milagre no último jogo. O goleiro da Coréia, Jo Hyeon-woo, é um caso estranho. Não dá pra dizer que foi mal. Mas a impressão que dá é que estou assistindo um episódio dos trapalhões e ele é o Didi, que no final das trapalhadas da trupe (defesa coreana), ele acaba se dando bem!
 
DECEPÇÕES:
As duas maiores decepções da copa foram Caballero e Neuer. De Gea está na porta dessa sala, olhando pra dentro com cara de quem quer entrar.
 
Vc vai dizer:
“Neuer é o melhor goleiro do mundo!”
“Neuer é a personificação do goleiro moderno…”
 
Essas frases foram muito ditas nos últimos 4 anos. De fato Manuel Neuer é um goleiraço. Ninguém vai tirar isso dele! E isso aqui não é uma caça as bruxas, querendo desmerecer o que ele conquistou até aqui. Mas temos um fato: Neuer não estava preparado para essa copa. Estava com um “tempo de bola” estranho, diferente do que acostumamos ver. E aquele último jogo! PeloamourdeDeus!!! O que foi aquela saída desesperada? Sério, em algum treino ele conseguiu resolver com os pés do que Kroos, Muller, Gomes? Eu aceito ver fazer isso um goleiro do Panamá, da Islândia, da Colômbia (culpa do HIGUITA), mas um cara que é considerado o melhor goleiro de sua geração, atual campeão do mundo, é difícil de entender e aceitar!
 
Caballero eu me recuso a comentar! Morte anunciada. O cara tem Armani no grupo, e não coloca pra jogar, é pedir “garoa com vento”, como dizem na minha terra!
 
De Gea me parece estar psicologicamente despreparado. Não sei se é o Mundial, não sei se é o peso da 1 da Fúria que já foi de Iker Casillas. Mas é fato que ele tem sido titubeante, inseguro e pode comprometer a tourada na segunda fase.
 
Agora entramos naquela fase onde a gente vai conhecer quem é GOLEIRO DE VERDADE. Na Copa do Mundo, quando começam os play-offs, é momento do guapo crescer, e mostrar que o time pode contar com ele. Todos os grandes da história tiveram atuações brilhantes nesses momentos. Lembro aqui Taffarel na final de 94 e na semi de 98. Marcão em 2002 contra a Bélgica nas oitavas e na final contra a Alemanha. Buffon, fazendo uma semi perfeita contra Alemanha e nos brindando com a defesa mais incrível em finais de Copas na cabeçada do Zidane. Em 2010 teve aquela defesa com o pé do Casillas, na final. E em 2104 teve Neuer assombrando o mundo com seu estilo Robocop!
 
É agora, que vamos separar os “homi dos guri”!
Aqui nascem os mitos!!
QUE COMECEM OS JOGOS!!!
 
Escrito por Igor Costa.