fbpx
E chegamos finalmente nas finais da Copa do Mundo da Rússia (agora sem a Rússia). Com as finais chega pra nós goleiros a disputa do tão sonhado troféu LUVA DE OURO.
 
Convido você a pensar juntos no que vai acontecer com essa premiação que é o sonho de qualquer guri que já vestiu um par “havianas” como luvas, pra defender o gol feito no portão de uma garagem da vizinhança. Mas antes, vamos ver como está o ranking da FIFA pra a posição:
 
O ranking do site da FIFA possui 4 análises possíveis de serem feitas:
 
– Número de jogos;
– Total de minutos jogados;
– Número de defesas executadas (item mais importante de análise segundo o site);
– Percentual de defesas;
 
Seguindo a ordem de importância dos itens, começamos pelo número de defesas:
1º GUILLERMO OCHOA (México) = 25 defesas;
2º KASPER SCHMEICHEL (Dinamarca) = 21 defesas;
3º THIBAUT CORTOIS (Bélgica) = 18 defesas;
4º IGOR AKINFEEV (Rússia) = 15 defesas;
5º EIJI KAWASHIMA (Japão) = 14 defesas;
 
O índice que mais gosto de mensurar, é o de percentual de defesas em relação aos chutes efetuados. Vamos considerar apenas goleiros que tiverem pelo menos 3 jogos:
 
1º KASPER SCHMEICHEL (Dinamarca) = 91,3% de aproveitamento
2º JO HYEONWOO (Coréia) = 81,2% de aproveitamento
3º GUILLERMO OCHOA (México) = 80,6% de aproveitamento
4º DANIJEL SUBASIC (Croácia) = 80% de aproveitamento
5º FERNANDO MUSLERA (Uruguai) = 78,6% de aproveitamento
 
Algumas considerações importantes:
 
– Desde 1994 quando Preud´homme, da Bélgica foi escolhido melhor goleiro da competição, que um goleiro escolhido não é finalista;
 
– O atual melhor goleiro do mundo, segundo a FIFA é Gianluiggi Buffon, eleito no ano passado;
 
– O destaque do dia, o goleiro inglês Jordan Pickford tem 70% de aproveitamento de defesas;
 
– Hugo Lloris possui um aproveitamento de 66,7% de aproveitamento;
 
– Nunca um brasileiro foi escolhido;
 
APOSTAS:
O critério da escolha do LUVA DE OURO nunca ficou muito claro pra mim. Em 98 o prêmio foi dado para um Fabien Barthez comum, deixando de dar para o Taffarel, Van der Sar, Schmeichel que mandaram muito bem no gol. Sendo assim, pode haver uma entrega “tendenciosa” nem sempre no sentido pejorativo da palavra:
 
AKINFEEV: O guapo russo é a única chance dos donos da casa levarem algo pra casa. Ele já defendeu 3 penaltis na competição e segundo o futstats, é o goleiro que mais trabalhou na copa.
 
COURTOIS: Há anos apontado como o “futuro melhor do mundo”. Futuro esse que não chega nunca, uma vez que Neuer monopolizou o prêmio em 3 dos últimos 4 anos e no ano passado Buffon resolveu jogar. Aí amigo, perde a graça. Cortois ganhou espaço depois da atuação impecável contra o Brasil.
 
JORDAN PICKFORD: Jovem surpresa dessa copa, tem dado muita esperança de título ao English Team, segurando as pontas á atrás com sua velocidade de reação espantosa e uma potência muscular que permitem que suas pontes sejam incrivelmente plásticas. Essa característica faz com que Pickford, jogue num tempo diferente da maioria dos goleiros. Enquanto a maioria busca uma leitura e antecipação da maioria dos lances, por ser muito ágil e inteligente, o goleiro inglês sempre se move depois dos atacantes desferirem os chutes.
 
LLORIS: Bom goleiro. Talvez dos semi-finalistas seja o mais equilibrado de todos. O francês é um goleiro completo. Seguro, ágil, inteligente, entre outras qualidades fazem de Loris uma unanimidade na França. Lhe falta uma título para comemorar e consolidar-se como um dos maiores do futebol francês.
 
Seu tivesse que escolher, eu acho que OCHOA teve a melhor atuação dentro do torneio. Em compensação, é fato que ele jogou menos. Por essa razão acredito que o escolhido será Cortois, senão fizer nenhuma bobagem.
 
E você, votaria em quem?
Quem você acha que levará a luva de ouro da copa?
 
Escrito por Igor Costa.