fbpx

Filho de Peixe…

Acredito que não exista no mundo um menino que não se espelhe em seu pai, eu, quando pequeno, queria ser motorista de ônibus, tenho amigos advogados, engenheiros e médicos que, assim como os pais deles, seguiram a mesma profissão, e foi justamente este modelo que levou o pequeno Kasper Schmeichel, nascido em 5 de Novembro de 1986, em Copenhague, na Dinamarca, a seguir a profissão do pai, o lendário Peter Schmeichel, goleiro que fez a bela história jogando na Inglaterra e também pela seleção dinamarquesa.

Talvez a sombra do pai mostrasse a Kasper que tivesse de trilhar o próprio caminho, a própria forma de brilhar, o garoto que começou na base do Manchester City, era goleiro de handebol e nunca pensou em se tornar jogador de futebol profissional, porém, mesmo antes de fazer uma partida como profissional pelos azuis, Kasper teve como própria opção jogar em times de menor expressão no cenário inglês, foi aí que então, por empréstimo, ele defendeu clubes como Darligton e Bury, times de divisões inferiores da Inglaterra e o Falkirk da Escócia, embora Kasper fosse muito jovem em todos estes clubes, sempre foi titular.

Fez a estreia no City como profissional em 2007, logo após uma lesão do titular o sueco Isaksson, em uma partida diante do West Ham em 11 de agosto daquele ano, após isso fez algumas partidas pelo City, porém, mais uma vez, foi emprestado ao time galês do Cardiff City, de onde mais uma vez foi emprestado ao Coventry City, em 14 de agosto de 2009, foi contratado pelo tradicional Notts County, que pagou cerca de um milhão de euros. Sven-Göran Eriksson, que foi treinador de Kasper no City, foi o responsável pela ida dele ao Notts.

30fee25900000578-3588581-image-m-29_1463132434230

Na tradicional equipe de Nottingham, viveu seus melhores momentos na carreira até então. Com um time modesto, o Notts conseguiu conquistar o título da quarta divisão, tendo Kasper sido um dos responsáveis pela boa campanha através das defesas. Ao final da temporada, Kasper foi eleito o melhor jogador do campeonato. Porém, mesmo com sucesso em apenas uma temporada no clube, acabou sendo liberado ao término do campeonato devido ao alto salário, de quinze mil euros por semana.

Após sair do Notts County, foi especulado que diversos clubes estavam interessados em contratar Kasper, incluindo clubes da Alemanha, mas em 27 de maio, assinou um contrato de duas temporadas com o tradicional Leeds United. Logo nas primeiras partidas pelo clube, acabaria sofrendo uma lesão que o afastaria durante algumas semanas. O retorno seria adiado em ainda mais uma partida, após o nascimento do primeiro filho na noite anterior, a primeira partida que faria desde sua lesão.

Após as duas últimas temporadas, onde teve grande desempenho, recebeu em 24 de maio de 2011 a primeira convocação para a seleção dinamarquesa, para a partida contra à Islândia, válida pelas eliminatórias da Eurocopa 2012. Curiosamente, a primeira oportunidade na seleção aconteceu no mês de maio e aos 24 anos, assim como com pai, Peter Schmeichel. Tendo sido convocado apenas como a terceira opção, acabou não participando da partida.

Mesmo com mais uma temporada de contrato, o Leeds anunciou em 20 de junho de 2011 a venda de Kasper para o Leicester City (o qual era treinador, então, por Sven-Göran Eriksson) por valores em torno £1.250.000. Schmeichel disse que foi com muita decepção que soube que eles aceitaram a oferta do Leicester.

kasperschmeichelcardiffcityvleedsunitedl3eqxewum2bl

A primeira partida com o Leicester aconteceu no amistoso contra o Real Madrid, disputado em 30 de julho. Tendo disputado a partida inteira, a partida terminou com vitória dos merengues por 2×1, sendo a menor vitória do Real naquela pré-temporada. Já a primeira partida oficial aconteceu em 6 de agosto, na disputa do Championship, terminando desta vez com vitória (1×0) do Leicester. A primeira temporada no clube terminou com um total de 56 partidas disputadas.

Pouco mais de um ano após a única convocação para a seleção dinamarquesa, em 29 de maio de 2012 foi anunciado a convocação de Kasper Schmeichel para a Eurocopa 2012, entrando no lugar do titular Thomas Sørensen, que foi cortado a devido uma lesão nas costas. Curiosamente, Sørensen substituiu Peter Schmeichel, pai de Kasper, na seleção após a aposentadoria de Peter.

Apesar de presente na Euro, a estreia na seleção principal ocorreu apenas em 2013, quando esteve em campo na partida amistosa contra a Macedônia, disputada em 6 de fevereiro e que terminou com derrota dinamarquesa por 3×0.

Após subir com o Leicester para a Premier Legue na temporada 2013/2014 e permanecer na divisão de elite na temporada seguinte, após vencer surpreendentes sete das últimas nove partidas, Kasper se tornou campeão na temporada 2015/2016, sendo um dos líderes e responsáveis pela inédita conquista. Curiosamente, assim como o pai, a primeira conquista da Premier League de Kasper ocorreu em 2 de maio, aos 29 anos, e sem precisar jogar.

Britain Soccer Premier League

TÍTULOS

NOTTS COUNTY

Football League Two 2009/2010

LEICESTER CITY

Football League Championship 2013/2014

Premier League 2015/2016

PRÊMIOS INDIVIDUAIS

Jogador dinamarquês do ano 2016

Seleção da década da Football League (2005-2015)

Seleção da temporada do The Championship: 2012/2013 e 2013/2014

Jogador do mês da League Two (outubro 2009)

Seleção da temporada da League Two 2009/2010

Seleção da temporada da League Two (eleito pelos fãs) 2009/2010

Jogador da rodada da FA Cup: Terceira rodada, 2009/10

Jogador da temporada do Leicester City 2011/2012

Jogador da temporada do Leicester City (eleito pelos jogadores) 2011/2012

Jogador da temporada do Leicester City (eleito pelos torcedores) 2011/2012

GRANDES DEFESAS DE KASPER SCHMEICHEL